SEO para e-commerce: Dicas práticas para aumentar as vendas

Todo empreendedor digital quer destaque no topo das páginas de resultados do mecanismo de pesquisa, e o SEO para e-commerce, com o objetivo de direcionar mais tráfego para a loja virtual e, consequentemente, aumentar as vendas. 

O site e-commerce precisa ser otimizado para ganhar visibilidade máxima e atrair leads, ou seja, os clientes em potencial. 

Para ter uma classificação alta nas SERPs, é preciso uma estratégia de SEO para e-commerce completa, com palavras-chave eficazes, uso otimizado para dispositivos móveis, e uma configuração eficiente da loja virtual na internet.

A presença consolidada no ambiente online ajuda a aumentar a visibilidade e a conscientização do cliente. 

Enquanto lojas físicas buscam a melhor localização para instalar um empreendimento, os empreendedores digitais precisam seguir algumas dicas de SEO para e-commerce. E desse modo, ganhar destaque e alcançar o sucesso comercial. 

O que significa SEO e SERP?

O SEO (Search Engine Optimization), ou otimização do motor de busca, trata-se do processo de melhorar a qualidade e a quantidade de tráfego para um site ou página da web a partir de mecanismos de pesquisa como Bing e Google. 

O SEO para e-commerce visa tráfego orgânico não pago, em vez de tráfego direto ou pago.

Já SERP (Search Engine Result Page) é a página de resultados do mecanismo de pesquisa. Ela apresenta listagens orgânicas, ou seja, mais relevantes, de acordo com a pesquisa feita pelo usuário.

Os resultados orgânicos são distintos dos anúncios pagos ou de PPC (Pay Per Click), ou seja, pagamento por clique, pois são posicionados de acordo com os algoritmos de classificação do motor de busca, e os lances do anunciante são ignorados.

SEO para e-commerce depende de palavras-chave

As palavras-chave são tópicos que definem o conteúdo de um site de comércio. Ele precisa se posicionar de forma adequada, para serem identificadas pelos algoritmos dos motores de busca. 

Em termos de SEO para e-commerce, são as palavras e frases que os leads inserem nos motores de busca ao pesquisar a melhor loja online para visitar e se destacar no marketing digital.

A primeira dica, portanto, é começar com a pesquisa e encontrar a popularidade das palavras-chave que estejam relacionadas ao comércio eletrônico.

A popularidade das palavras-chave é essencial ao realizar uma pesquisa de palavras-chave, mas não é suficiente por si só. Também é preciso considerar a intenção do comprador.

Intenção de pesquisa no SEO para e-commerce

Essa segunda dica refere-se à intenção do comprador, ou o que está por trás da consulta realizada. Isto fornece inteligência sobre as frases e termos específicos que as pessoas digitam nos motores de busca quando estão pesquisando online.

A intenção de pesquisa pode ser dividida em 4 tipos:

  • Comercial;
  • Informativa;
  • Navegação
  • Transacional.

Por isso, é importante levar em consideração a intenção de pesquisa ao planejar o conteúdo, pois isto permite concentrar o planejador de palavras-chave nas frases com maior probabilidade de serem relevantes para o público-alvo em cada etapa do ciclo de compra.

Outro aspecto importante a se considerar é incluir palavras-chave de cauda longa ao planejar a estratégia de SEO para e-commerce. 

Uma palavra-chave de cauda longa tende a ter baixo volume de pesquisa, mas alta relevância. Esse caráter caba por converter bem, combinando mais com a intenção de compra de quem pesquisa.

Títulos e meta-descrições atraentes e otimizados

A classificação mais alta no Google leva a aumento de tráfego, assim como significa aumento nas classificações de determinadas palavras-chave.

Dessa forma, é importante que o conteúdo que aparece nas SERPs atraia os consumidores. 

Tags de título otimizadas e atraentes, junto a uma meta descrição que fale com os pesquisadores garantem que eles estejam mais inclinados a clicar no link, se posicionando na frente dos concorrentes.

Construção de blog para marketing de conteúdo

Carregar conteúdo regular de alta qualidade é essencial para atrair tráfego orgânico, ajudar a criar confiança entre o público, aumentar as classificações do site e melhorar a reputação como especialista na área em que o e-commerce atua.

Uma estratégia de blog regular rica em palavras-chave relevantes, e que correspondam aos termos de pesquisa é um primeiro passo importante.

Soma-se a isso uma estratégia de criação de links para descrições e serviços de produtos relacionados, se ajustando ao SEO para e-commerce. 

Isso demonstra que o site é a autoridade no assunto escolhido.

O conteúdo exclusivo e divertido também tem mais chances de ser compartilhado nas redes sociais e, portanto, aumenta o alcance do conteúdo. 

Os blogs são vistos como um dos muitos elementos importantes para o melhor SEO para e-commerce.

Conclusão

As dicas de SEO para e-commerce exigem investimento contínuo em tempo e esforço para fornecer resultados aceitáveis em rankings de busca, marketing digital e vendas. 

Por fim, é preciso iniciar a aplicação de estratégias, para ganhar destaque e ranquear entre os primeiros resultados nos motores de busca. 

Texto originalmente desenvolvido pela equipe Ideal Marketing, plataforma e blog que sua empresa precisa para gerenciar e entender muito mais sobre marketing em um só lugar. 

Se inscreva em nossa newsletter

Política de Privacidade

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao clicar em “Concordar e Fechar” você concorda com o uso dos cookies, termos e políticas do site.  Leia mais

Abrir bate-papo
1
Olá!
Como podemos ajudá-lo?